10 dicas para escolher a franquia certa!

September 16, 2017

Antes de você começar qualquer negócio é muito importante saber onde está "pisando".

 

O sistema de franchising é um sistema que tem regras definidas, que definem corretamente as funções de franqueados e franqueadores, para que todos tenham o mais importante em um negócio: a lucratividade!

 

Para isto, seguem 10 dicas que, se você seguir, saberá corretamente se o modelo é ou não indicado para você.

 

 

 

1. Entenda o sistema

O primeiro passo para começar a buscar uma franquia é compreender como este sistema funciona. Regras, legislação e os papéis de cada personagem desta relação.

 

2. Avalie seu perfil

Nem todo empreendedor serve para ser franqueado. Aquele empreendedor que está sempre criando, que quer ser o dono das soluções, pode se sentir frustado em algumas redes mais rígidas. Em redes menores, ele pode fazer a diferença e ajudar ao Franqueador a crescer.

 

3. Teste sua afinidade

Já com seu próprio perfil em mãos, é hora de buscar oportunidades. Se você é bom com moda, uma franquia de moda pode ser o ideal. Porém, se você gosta de chocolate, isto não quer dizer que ter uma loja de chocolate seja um sucesso. Você precisa ter afinidade também em gerir um negócio.

 

4. Crie um filtro

Assim como o tipo de rotina de trabalho, o empreendedor deve criar filtros que ajudem a refinar a busca por marcas. Esta dica complementa a dica #3, afinidade e filtro para escolha da marca correta.

 

5. Reveja as finanças

O investimento inicial é um dos fatores determinantes para escolher um negócio. Muito cuidado com este número. Cuidado com os custos embutidos no valor total e os que "aparecem" de repente ou no decorrer. Obra é um vilão nos custos. Dê preferência por retrofit em lojas a lojas "do zero". Tenha reserva para a operação e para sua vida pessoal pelo menos, por uns 6 meses após o negócio aberto.

 

6. Pesquise o nível o formatação

Com até cinco redes em mente, é hora de pesquisar sobre a estrutura de cada uma delas. Muito importante saber se a rede escolhida tem equipe, sede, modelo, manuais, e principalmente, operação comprovadamente bem sucedida.

 

7. Converse com outros franqueados

Depois de algumas entrevistas, as redes devem entregar aos candidatos a Circular de Oferta de Franquia, conhecida como COF.

Neste documento, estão todos os dados sobre a empresa, inclusive os contatos de franqueados e as taxas que serão cobradas.

Entre em contato com os franqueados atuais da sua região. Imprescindível.

 

8. Não decida sob pressão

Sem tempo para analisar a COF, o futuro franqueado pode acabar tomando a decisão errada. Se você está avaliando opções em uma feira, não se deixe levar por pressão por descontos ou "o último biscoito do pacote". Pense com calma.

 

9. Marque várias conversas

É hora de agendar conversas previamente com algumas marcas de interesse. Marque visitas as lojas, ao escritório, enfim, pelo menos 3 reuniões.

 

10. Decida em conjunto

Quando todas estas etapas forem cumpridas e a marca escolhida, é hora de sentar com a família para tomar a decisão final. 

 

 

Todo negócio necessita de muita pesquisa, de conversa e de uma boa noite de sono para pensar. Pense com calma, avalie, e decida. Uma franquia traz uma grande chance de que o negócio tenha sucesso. A taxa de mortalidade de franquias - comprovadas - é bem menor do que o mesmo negócio "por conta própria", porém, nada é fácil, e nada funciona sozinho. A dedicação é fundamental.

 

Do dia 28 a 30 de setembro de 2017, acontecerá no Rio de Janeiro, a ABF Expo Franchising, no Rio Centro. Venha nos conhecer.

 

Quer um convite para a feira? Entre em contato, franquia@hotntender.com.br

 

Boa sorte.

 

Marcio Blak

Diretor de expansão da Hot n' Tender - o frango mais crocante do Brasil !

 

*Baseado em artigo publicado pela Revista Exame

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts em destaque

História do Frango Americano no Brasil

February 26, 2019

1/7
Please reload

Posts recentes